12 nov 2020
por REDAÇÃO BRAIN 135 views 0

Trabalho Remoto: Oportunidades e Desafios

Com a pandemia gerada pelo COVID-19 a partir de março de 2020 restringindo aglomerações e limitando deslocamento, as empresas precisaram se adaptar a esse cenário e uma das alternativas foi a adoção do trabalho remoto ou home office.
Algumas nomenclaturas estão sendo adotadas para este formato de trabalho, com isso entende-se como trabalho remoto a prestação do serviço realizada a distância em qualquer lugar e o Home Office destaca-se apenas para as dependências da casa dos funcionários.

Antes da pandemia, o trabalho remoto era adotado timidamente nas organizações e conforme uma pesquisa divulgada pela Agência Brasil aponta que 67% das organizações relatam dificuldades em implantar este tipo de trabalho, tais como: acesso a ambientes virtuais, suporte aos funcionários, infraestrutura e políticas internas.

 

O desafio da produtividade

 

Para que o trabalho remoto seja mais produtivo torna-se necessário criar algumas rotinas como:

Estabelecer os horários de início, fim e realizar pausas, criar um ambiente agradável, estabelecer os prazos, utilizar as vestimentas iguais ou similares ao escritório, para assim respeitar a jornada de trabalho mantendo um equilíbrio entre a vida pessoal e profissional.

Pelo lado das empresas, é grande o desafio para garantir a saúde e bem estar os funcionários e manter a operação com toda a segurança comparado a operação nos escritórios, visto que nos últimos meses houve um aumento de mais de 300% em ataques cibernéticos conforme levantamento da Kaspersky.

Por isso, é importante que as as empresas acompanhem e prestem o suporte necessário aos funcionários desde treinamentos, acompanhamento psicológico, infra estrutura, tais como: mesa e cadeira para que a adaptação ao novo normal não seja traumática.

 

O trabalho remoto pode ser adotado definitivamente

 

Como o cenário ainda é de indefinição e este tema ainda gera incertezas nos envolvidos, algumas empresas já estão decididas a mudarem o formato de trabalho conforme a Cushman & Wakefield aponta que cerca de 85% dos executivos no Brasil enxergam mais vantagens do que desvantagens no trabalho remoto e  além disso, 73,8% das empresas pretendem adotar o sistema a home office de algum forma após a pandemia.

Algumas empresas já tomaram a decisão de adotar o trabalho remoto para sempre em algumas operações como a XP Investimentos, Twitter e outras adotarão o modelo híbrido onde o trabalho presencial ocorrerá em alguns dias como é o cenário desenhado pela Algar Telecom e a Inva Capital.

Essa nova tendência traz a tona algumas oportunidades e desafios para garantir a entrega/manutenção das ferramentas de trabalho nos tempos necessários, interação entre a equipe e a disseminação da cultura  e valores da organização, além disso abre portas tanto para as empresas quanto para as organizações na busca de candidatos sem as atuais  barreiras geográfica.

Um tema importante abordado nas empresas será a redução de custos operacionais com a redução de custos com infra estrutura, substituindo por eventuais subsídios ou novos modelos de negócio, ainda em estudo pelas empresas.

Com entendemos que é um assunto de importância e afeta muitas pessoas no país, nós aqui do Brain temos um Squad que busca soluções inovadoras e disruptivas para proporcionar uma experiência positiva de trabalho para os clientes da Algar Telecom e seus colaboradores, que tiveram suas vidas impactadas pelo “novo normal”.

Por Flávio Henrique Ribeiro, Product Owner do Brain

 

Aprenda ainda mais sobre home office e como deixar o trabalho mais produtivo e acompanhe todas as novidades relacionadas a produtividade, tecnologia e inovação! Siga o Brain no Instagram, LinkedIn e Facebook!

1 comments_number 0 comments_number 2 semanas atrás